CORVOS E MALTRAPILHOS – POEMAS ÁCIDOS EM PETROLINA

Publicado: março 8, 2015 em Poesia

CORVOS E MALTRAPILHOS – POEMAS ÁCIDOS

Capa Livro Corvos e Maltrapilhos - Poemas Ácidos

CORVOS E MALTRAPILHOS SINOPSE E CARTA DE AGRADECIMENTOS

SINOPSE – CARTA DE AGRADECIMENTO

CORVOS E MALTRAPILHOS – POEMAS ÁCIDOS
Petrolina-PE
Lançamento dia 14 de março de 2015 na SBS Livraria Internacional.
Salão Vanilla das 19:00 às 22:00 HS.

SINOPSE
Sinopse – disponibilizada no site da Editora Mondrongo:

Esse é um livro trabalhado na maioria das vezes nas suas formas mais diminutas e tem uma linha poético-filosófica. Os poemas rompem o conceito Saussuriano no tocante à arbitrariedade dos signos como o resultado da junção entre significante e significado, para potencializar sua significação a partir de certa experiência de leitura e conhecimento de mundo a partir da relação entre sujeito e objeto. Mas não se trata da Filosofia contemplativa como algo sublime, não neste caso, ao contrário, é uma filosofia conectada ao contexto urbano e suas contradições, expondo vísceras de uma burguesia que trata com indiferença vidas e culturas alhures.

http://www.mondrongo.com.br/index.php?pg=noticia&id=48

Sinopse – disponibilizada no site da Livraria Martins Fonte Paulista:

Corvos e Maltrapilhos – Poemas Ácidos é composto de poemas ácidos que deixam uma cratera em nosso mundo conturbado, maltrapilho e esquálido, cujo abutre espera pacientemente para devorar sua carne e saborear seus detritos. Este livro é pura acidez, que busca de alguma maneira resgatar o sujeito “pós-humano” e o pouco de humanidade que ainda lhe resta. Não se trata de apresentar uma mera dualidade entre forças opostas. O uso do termo ‘corvo’ que representa o animal da natureza que vive por puro instinto não é para qualificar o animal, é sim para apresentar o contexto de podridão e seus detritos em que o sujeito pós-humano está mergulhado neste mar de carnificina, enquanto maltrapilhos e esquálidos morrem a conta gotas do outro lado da rua deitado numa marquise como um deus molambo no meio do nada num lugar sem endereço.

http://www.martinsfontespaulista.com.br/corvos-e-maltrapilhos-482897.aspx/p

UM POUCO SOBRE MINHA RELAÇÃO COM A LITERATURA PERNAMBUCANA

Para mim é uma honra poder lançar um livro em terras pernambucanas. Devo dizer que sempre acompanho o cenário literário pernambucano desde muito novo, quando ainda era um adolescente, lá por volta dos meus 12 ou 13 anos quando comecei a ler “literatura, prosa e poesia e os primeiros poemas de gente grande”: João Cabral de Melo Neto, Manuel Bandeira, Nelson Rodrigues, cito apenas alguns, e o camarada que apesar de ter nascido na Paraíba também viveu por lá, Augusto dos Anjos, este último dando os primeiros passos para aquilo que seria conhecido mais tarde como “Poesia Científica” ou “Ciência Poética”, poesia que teve maior repercussão a partir de Recife na segunda metade do Século XIX. Escritores pernambucanos longevos e novos e outros que moraram em Pernambuco, como foi o caso de Augusto dos Anjos, foram e são muito importantes na minha relação com a literatura até então. Assim como os grandes escritores longevos e novos daqui da Bahia também foram e são importantes na minha trajetória literária até os nossos dias.

CARTA DE AGRADECIMENTO

Inicialmente devo agradecer e desde já mostrar toda minha gratidão a duas figuras importantes do Cenário Literário de Petrolina, entre suas múltiplas funções, a professora e colunista do Portal Interpoética Elisabet Gonçalves Moreira e ao poeta, jornalista e publicitário Carlos Laerte, pelo convite e por toda colaboração, apoio, assessoria de imprensa e todo o suporte a mim disponível. Sem essas duas pessoas minha ida a Petrolina definitivamente não seria possível. Fica aqui desde já toda minha gratidão!

Agradeço todo o acolhimento da SBS Livraria de Petrolina e à disponibilidade do “Espaço Salão Vanilla” para receber o lançamento do livro Corvos e Maltrapilhos – Poemas Ácidos.

10403272_724321650977305_5947687325822464312_n
http://www.sbs.com.br/storelocator/view/detail/id/51/

Agradeço à GER – Gerência Regional da Secretaria de Educação do Médio São Francisco – Petrolina-PE, pela hospedagem e todo suporte a mim disponível – em nome da gestora e professora Anete Ferraz.

http://www.educacao.pe.gov.br/portal/?pag=1&men=107

Registro o meu agradecimento à CLAS Comunicação & Marketing, pela Assessoria de Imprensa – Em nome do poeta, jornalista e publicitário Carlos Laerte.
527208_101609143324028_1288839311_n

Registro o meu agradecimento à professora e colunista do Portal Interpoética Elisabet Gonçalves Moreira, pela colaboração, apoio e divulgação do evento em seus diversos espaços de comunicação disponíveis.

10620543_695209423866084_8762631777248905506_n526114_421141321272897_1701564491_n
http://www.interpoetica.com/site/

Agradeço à colaboração e divulgação no Portal Cultural Guia do Ócio – em nome do jornalista Antonio Moreno e seus colaboradores.
http://guiadoocio.site-oficial.ws/

Agradeço à colaboração e divulgação no Portal Cultural Aldeia Nagô – em nome do jornalista Helder Barbosa e seus colaboradores.
http://www.aldeianago.com.br/

Saudações Literárias

Att.

Marcos Torres

Salvador, Bahia, 08 de março de 2015

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s