PROJETO DIÁLOGOS ENTREGUES AO SABOR DO IMPONDERÁVEL

Publicado: agosto 20, 2015 em Crônicas Urbanas

12. em algum ponto de ônibus e cruzamento entre o centro da cidade e a estação rodoferroviária, / a poucos metros do teatro Guaíra e da Rua XV de Novembro, / mais conhecida como Rua das Flores (colorida e bela) / vidas que se cruzam / movimentos que mudam a paisagem e a geografia dos espaços urbanos / neste cenário, / um livro à espera… / um mar de carros / semáforos mudando suas cores / buzinas enfurecidas / passos apressados / corpos em movimento / caos / frio / um encontro entregue ao sabor do imponderável… Curitiba – Paraná – Brasil.

Foto e vídeo

SAM_3781SAM_3782SAM_3783

13. em algum lugar há um livro num chão de pedra na estação rodoferroviária por entre corpos que se separam e juntam-se e as distâncias que se alargam e encurtam-se em suas ambivalências / sons / um vento soprando do leste…. / um mapa traçando os contornos da paisagem urbana… / o imponderável… Curitiba – Paraná – Brasil.

Foto e vídeo

SAM_3784SAM_3785

*Em breve finalizo as intervenções urbanas no Brasil e o projeto segue para os países da Lusofonia e do grupo CPLP… e segue…

saudações literárias

sigo.

m.t.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s